SISU EAD – Como vai funcionar

Esse ano mais um programa entra na lista de cursos a distância: o SISU EAD. A novidade contempla instituições de ensino público e busca maior adesão dos estudantes, sobretudo após pandemia do novo coronavírus.

Anteriormente, o SISU oferecia somente cursos presenciais em instituições federais, estaduais e municipais.

Entretanto, foi divulgado que as instituições deverão oferecer estrutura online para que os alunos enviem documentos e realizem a matrícula. Isso justamente para cumprir o protocolo de distanciamento por conta da pandemia da Covid-19.

A saber, o Sistema de Seleção Unificada (SISU) foi criado pelo governo em 2012. O programa possibilita que os estudantes ingressem em universidades públicas por meio da sua nota no Enem – Exame Nacional do Ensino Médio.

Em 2020, vale dizer, para participar do SISU EAD os estudantes obrigatoriamente precisaram atestar que fizeram a prova do Enem de 2019.

As primeiras inscrições no SISU a distância 2020/2 ocorreram entre 16 e 19 de junho. Elas ficaram válidas para os cursos ofertados agora, para o SISU 2020/2.

A partir de agora, então, essa nova modalidade continuará em voga, disponibilizando uma oportunidade de formação não presencial.

sisu ead
Foto: Brasil de Fato

SISU EAD – Vantagens

O SISU EAD surpreendeu a todos. Esse lançamento demonstra que o programa e as instituições públicas seguem a tendência das universidades particulares e algumas públicas que já trabalham com essa forma de ensino.

Nesse sentido, o SISU proporcionará aos estudantes que sonham em estudar em uma universidade pública a versatilidade do modelo EAD. Os alunos terão flexibilidade de horário e podem realizar as atividades de acordo com o seu planejamento.

Ademais, a realização de cursos EAD consiste em uma maneira de cortar custos públicos. Afinal, essa modalidade tende a ser mais barata quando comparada com a oferta de cursos presenciais.

Outro ponto importante a se destacar é que o ensino a distância tem valor igual ao curso presencial. Em outras palavras, o diploma do EAD tem o peso e nada difere-se com o ensino que ocorre in loco nas próprias faculdades.

De fato, a modalidade EAD tem crescido muito no país. E os números indicam que ela vai se expandir ainda mais. Sobretudo após a pandemia do novo coronavírus que impactou diretamente instituições públicas e particulares.

Tal formato agora também fará parte do programa do governo SISU. Contudo, vale a pena ficar ligado em como participar do programa para não perder a oportunidade.

Entenda como vai funcionar

O SISU, a saber, difere-se do Prouni por ofertar vagas em instituições públicas. Além disso, não tem critérios de renda ou eliminatório se o candidato for oriundo de escola particular.

Também vale citar que, mesmo os estudantes que já concluíram ensino superior pelo próprio SISU poderão se inscrever novamente no programa. Algo que não pode acontecer no caso do Prouni, por exemplo.

Como destacamos anteriormente, o SISU EAD vai funcionar nos mesmos moldes do SISU para os cursos presenciais.

E para conseguir participar do processo, o candidato obrigatoriamente deverá ter prestado a última edição do Enem – Exame Nacional do Ensino Médio e não ter tirado nota zero na redação.

sisu ead 2020
Foto: Freepik

SISU EAD – Inscrições

Para realizar a inscrição o candidato poderá escolher duas opções de cursos e instituição. A primeira consiste na principal e caso o aluno não consiga a aprovação. Automaticamente aciona-se a segunda opção da lista.

Vale dizer que o estudante poderá ver a nota de corte para cada curso e fazer a comparação com a sua nota obtida no Enem. Pois a classificação será de acordo com a nota recebida no exame nacional.

Dessa maneira, para ser aprovado o candidato deverá ter obtido uma nota maior que a nota de corte do curso. Entretanto, a nota de corte pode variar de curso para curso e de instituição para instituição.

Todavia, o estudante deverá acompanhar diariamente a sua candidatura, pois a nota de corte pode mudar durante o período de inscrição. E caso ele perceba que não conquistará a vaga poderá optar pela mudança de curso ou faculdade.

SISU EAD 2020 encerrado

As vagas para os cursos EAD já ficaram disponíveis no SISU 2020/2 que tiveram suas inscrições encerradas. Dessa forma, os interessados deverão prestar o ENEM 2020 para concorrer a vagas no programa em 2021.

Ano que vem, de acordo com o MEC, haverá muito mais vagas no modelo EAD. Por isso, caso tenha interesse, realize o Enem e fique ligado nos prazos de inscrições para a primeira e segunda chamada do SISU.

Além disso, você poderá se inscrever duas vezes durante o ano. A primeira para as vagas para o primeiro semestre. Outra oportunidade acontece no segundo semestre de 2021.

Modalidades

O estudante também deverá escolher em qual modalidade ele irá se inscrever

  • Ampla concorrência
  • Cotas raciais
  • Cotas de ensino público

Caso o candidato seja aprovado no SISU ele deverá realizar a sua matrícula junto a instituição de ensino público. No entanto, caso não seja aprovado poderá aguardar as próximas chamadas do SISU.

E então, gostou de conhecer mais sobre o SISU EAD?

Esperamos que sim. Qualquer dúvida que tiver deixe um comentário para a gente.

Diga o que achou? Você será o primeiro! on "SISU EAD – Como vai funcionar"

Diga o que achou!

Seu e-mail não será publicado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.