Tabela do PIS 2019

Quer acessar a Tabela do PIS 2019? Aqui neste artigo você saberá detalhadamente quais serão as datas para recebimento dos valores no próximo ano. Fique de olho!

Provavelmente você já deve ter ouvido falar no PIS. Essa sigla está sempre sendo noticiada nos principais telejornais e demais veículos de comunicação, mas muita gente não sabe ao certo o que ela significa.

No entanto, conhecê-la é de extrema importância, uma vez que pode beneficiar milhões de trabalhadores brasileiros todos os anos.

Conheça a seguir diversos tópicos referentes à Tabela do PIS 2019 e tire suas dúvidas!

O que é PIS

Primeiramente, é preciso compreender o que é PIS.

PIS é uma sigla que quer dizer Programa de Integração Social, criado pelo governo federal na década de 1970. A saber, seu principal objetivo é abonar funcionários de empresas privadas que contribuem com esse programa.

Ou seja, ele é destinado a trabalhadores de corporações não-públicas, que possuem, na linguagem popular, a carteira assinada.

No entanto, é preciso lembrar que, para estar credenciado no PIS, a empresa contratante deve estar contribuindo devidamente. Ela deve se responsabilizar por fazer esse fundo de investimento para seus funcionários.

O dinheiro contribuído será divido com o governo. Isto é, parte dele será destinado, sim, à pessoa que trabalha na empresa, que poderá sacar após um período como abono salarial. A outra, contudo, ficará com o governo federal.

Receba o PIS na Caixa Econômica Federal

Receba o PIS na Caixa Econômica Federal

Quem tem direito ao PIS

Outra dúvida muito recorrente entre os brasileiros é sobre quem tem direito ao PIS. Isso muitas vezes não fica claro quando o tema é divulgado na mídia. Por isso, há quem não “corra” atrás do dinheiro que tem direito.

Portanto, é sempre bacana buscar informações extras acerca desse assunto, ficar atento! Outra razão para isso é a transação de governos. Afinal, com a troca de presidente e deputados, muita coisa pode mudar em relação às legislações vigentes.

Atualmente, há algumas regras que determinam quais são as pessoas que têm direito a receber o PIS. Para acessar o abono salarial, o trabalhador deve ser cadastrado pelo empregador.

O mais comum é que isso ocorra logo no primeiro emprego que tenha o registro na Carteira de Trabalho.

Confira as determinações impostas pelo governo para poder receber o PIS:

  • Trabalhador cadastrado no PIS há pelo menos 5 anos;
  • Trabalhador com rendimento médio de no máximo dois salários mínimos;
  • Trabalhador que tenha sido registrado em carteira por pelo menos 30 dias consecutivos.
Leve um documento com foto para sacar o PIS

Conheça a tabela completa sobre o pagamento do PIS (Foto: Reprodução / Veja)

Pagamento do PIS

Geralmente, a liberação de tal abono começa no mês de julho todos os anos. A partir daí há um calendário que é divulgado pelo banco Caixa Econômica Federal, responsável por realizar esses pagamentos.

Os valores pagos atualmente aos trabalhadores são variáveis. No mínimo é 80 reais e no máximo um salário mínimo. A saber, a quantia é sempre proporcional ao número de meses trabalhados.

Para quem já é correntista da Caixa, o pagamento do valor referente é antecipado. Em 2018, por exemplo, foi realizado 2 dias antes dos trabalhadores que não possuem conta no banco.

Valor do PIS se refere aos meses trabalhados no ano-base

Como falamos anteriormente, o valor do PIS depende do número de meses trabalhados no exercício anterior da função.

Dessa forma, aquele que trabalhou um mês no ano-base 2018, por exemplo vai receber receberá 1/12 do salário mínimo – 80 reais, no caso. Já quem atuou 2 meses na empresa receberá 2/12 e assim por diante seguindo essa lógica.

E o valor total, quem recebe? O salário mínimo completo será pago aos trabalhadores que tiverem atuado registrados em empresas em todo o ano-base 2018.

Ou seja, se você então trabalhou durante 12 meses completos no ano anterior, será beneficiado com o valor de um salário mínimo inteiro, que é o teto do PIS. Atualmente, o salário mínimo é de R$ 954.

Valor do recebimento do PIS 2019

Valor do recebimento do PIS 2019 (Foto: Reprodução)

O que ocorre se não sacar o PIS

De acordo com a Caixa Econômica Federal, as pessoas que têm direito ao PIS, mas que não realizarem o saque dentro do período determinado por algum motivo, o valor é incorporado ao saldo de quotas.

Logo após o final do exercício financeiro, no fim do mês de junho, quando ocorrer a atualização do saldo, os rendimentos são disponibilizados para saque no novo calendário.

A soma dos rendimentos vai variar de acordo com o saldo existente na conta do PIS atrelada ao trabalhador.

Descubra se você tem direito ao PIS

Quer descobrir se você tem direito ao PIS 2019? Antes de mais nada você deve se certificar de que possui o Número de Identificação Social (NIS). Esse número também é popularmente chamado de PIS mesmo ou NIT.

Você consegue consultar esse número de NIS nos extratos do FGTS, que esporadicamente são enviados pela Caixa Econômica Federal. Ele consta também no Cartão Cidadão ou na própria carteira de trabalho.

A saber, então, tanto o PIS (Programa de Integração Social) quanto o NIS (também chamado de NIT) possuem a mesma numeração. Mas por serem geradas em diferentes bases de dados compõem siglas diferentes.

Para encontrar o número do PIS siga os passos:

  • Acesse o site do Cnis – Cadastro Nacional de Informações Sociais. Clique em “Inscrição” no canto superior esquerdo do menu, depois, escolha a opção “Filiado”.
  • Logo após terá um formulário, preencha ele completamente com seu nome completo em “Nome de Filiado”, de sua mãe, seu CPF e sua data de nascimento. Em “documentos complementares”, a saber, apenas o número do RG é suficiente, sem pontos e sem hífen.
  • Preenchendo tudo o que é necessário, a página irá carregar o seu número do NIT.
Tenha em mãos o cartão cidadão para retirar seu PIS

Tenha em mãos o cartão cidadão para retirar seu PIS (Foto: Reprodução / Veja)

Tabela do PIS 2019

Bom, agora que você está por dentro do que é esse programa, se tem o direito de receber o benefício e como consultar o número de NIS, chegou o momento de conhecer a Tabela do PIS 2019.

Abaixo você pode ver a Tabela do PIS 2019 atualizada. Ela mostra os dados do recebimento que estão relacionados às datas de nascimento dos contribuintes.

Veja que, conforme falamos antes, a última data para receber em 2019 será o dia 28 de junho.

Tabela do PIS 2019

Tabela do PIS 2019 até o mês de junho

Como sacar o PIS 2019

A partir da Tabela do PIS 2019 você fica por dentro de quando poderá sacar o valor de direito. Mas como fazer isso?

O trabalhador que possuir Cartão do Cidadão e a senha cadastrada terá mais facilidade. Ele já pode se dirigir aos terminais de autoatendimento da Caixa Econômica ou até mesmo em uma casa lotérica.

Agora, quem não tiver o Cartão do Cidadão nem a senha, deverá comparecer à “boca do caixa” no mesmo banco e apresentar documento de identificação com foto para receber a quantia.

O que achou de nosso artigo sobre a Tabela do PIS 2019? Esperamos que tenha conseguido sanar todas as suas dúvidas. Para mais informações, acesse o site www.caixa.gov.br/PIS.


Diga o que achou? Você será o primeiro! on "Tabela do PIS 2019"

Diga o que achou!

Seu e-mail não será publicado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.